Pega leve...


O Sol está em Aquário e seu regente, Urano, em Áries, o que sugere uma excitação de raiz que assinala a emergência e o ímpeto de todos os inícios. Os planos para o ano novinho em folha, martelam tanto na base da espinha, quanto no topo da cabeça. Racionalizam-se emoções que possam viabilizar a concretização de projetos colocados como prioridade no topo do mundo. Do mundo finito do alto de seu nariz.
Isso porque a serpente sobe, elétrica e inspirada pelo chacra básico e é retida no corpo pelo stellium terreno da Lua, Vênus e Plutão em Capricórnio. No frigir dos ovos, esse trio quer mais é saber de estratégia, independente de Saturno estar de trono trocado com Plutão, em combinação inequívoca de transmutação na matéria.
E agora? A batalha em prol do novo através da quebra de paradigmas do passado já está em andamento, e o ego pensa sempre e primeiro em si mesmo. Claro, essa é a função do ego! No dia 30/01 a Lua já será Aquário e será mais fácil olhar para Mercúrio nesse signo e brotar outras alternativas de palavras, gestos e ações inovadoras, que contribuam para que a individualidade criativa encontre o seu lugar, sem passar rasteira em ninguém e levando em consideração a verdade e direito do outro.
Só não vale se rebelar e querer transgredir as regras do jogo. Qual jogo? O da contínua observação e paciência, pois que para além das pernas dos jogadores, reina a bola.

E ela tão cheia de si, é de todos...     

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente este artigo: