FELIZ DIA DAS MÃES!


Na tarde desse sábado, véspera do dia das mães, a Lua entra em Libra e ama a ideia de amar o amor!
Amar a mãe, por exemplo. Uma ideia amoral enquanto não é posta em prática, já que é apenas após a semeadura de uma ideia que se pode colher seus frutos.
Se pensarmos no conceito de causa e efeito, veremos que o motivo pelo qual se deve amar uma mãe é cristalino de tão óbvio.
Porém o efeito é pobre, no sentido de que, por mais que se tente, jamais se consegue amar uma mãe a contento.
Afinal, possivelmente, o filho é o fruto de uma ideia ou de um ímpeto amoroso. Doce ou amargo, docemente amargo ou amargamente doce, ele veio para receber e ela só lhe existe para dar - até o fim de seus dias.
Foi ela que o protegeu com o próprio corpo, quando seu coração era desprovido de pele e sua inocência a comovia. Foi ela que lhe deu o seio, o colo e as juras de amor eterno de uma forma que jamais amou nem sequer a seu pai.
E foi tecendo esse amor a cada sobressalto que o amor dava em sua alma, na calada da noite ou em plena luz do dia. A cada choro seu, febre, dor de barriga... a cada saber e não saber, brigar e fazer as pazes, e por todos os anos mal dormidos desde que você era semente.
E assim ela vem curando a sua vida nesse amor, sem que você se aperceba disso. E o seu amor a cura sempre que você lhe sorri com os olhos e o umbigo.
Ela ama ver você feliz! Mais que tudo na vida. Mas não se iluda. Embora as aparências enganem, uma mãe pode viver sem um filho enquanto o filho não vive sem levá-la nas entranhas.
É preciso amar a si mesmo para aprender a amar uma mãe verdadeiramente.
Sim, porque é ela agora que vive em seu corpo, seus traços, seu rastro, sua mente. E não há nada que você possa fazer a respeito, a não ser reconhecendo-a em seu coração.
Todas as vezes que a procurar na cabeça, nas feridas dálma, na culpa ou na mágoa, você se esquecerá de si e perderá o sentido da vida.
Toda vez que você a tiver no coração, honrando-a e passando adiante com gratidão e abundância, o dom da vida que ela lhe proporcionou, você encontrará a si mesmo.
Encontrará a vitória e as bençãos de sua vida.
Sabe porque amar a mãe é uma boa ideia?
Porque é a descoberta de que o Paraíso não pode ser perdido, já que é acessível a qualquer filho da Mãe.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente este artigo: